fragmentos

abraço

Posted on: fevereiro 18, 2009

abraço

abraço

abraço é querer ser um quando se é dois.

é o plug onde são recarregadas as energias consumidas por um dia inteiro de trabalho e a noite, quando te abraço, não me preocupo se o cotidiano está doendo. os braços envoltos cicatrizam os pequenos machucados das rotinas e formam casquinhas.

abraço é uma relação temporária de pertencimento. é, por alguns segundos, a sensação de posse e entrega total. é querer, ao mesmo tempo, proteger e ser protegido. um misto de conforto e carinho para os dias furiosos.

o meu preferido é assim, com o braço esquerdo por cima e o direito por baixo. diz que é o abraço do coração: quando os braços esquerdos estão por cima, os corações ficam mais abertos e perto um do outro.

o pequeno espaço ocupado dentro de dois braços tem o tamanho do mundo e conforto de um lar. e lar é o lugar onde o meu coração está.

ilustração: marina faria
texto: tiago yonamine

verbete da próxima semana: amores múltiplos.

Anúncios

9 Respostas to "abraço"

um abraço vale mais que mil palavras, é cliche mas é fato

sushi, eu sempre adoro teus escritos.
o coração é a morada, ethos – o lugar onde se sente bem, que lhe confere identidade – assim como nosso lar.

é. quantas vezes não seria melhor uma pessoa não dizer nada e simplesmente abraçar?
qdo chegar em casa, vou colocar esse seu novo blog na lista do meu =] adorei!

orgulho do amigo
orgulho da amiga

se não sou talentosa, não entro em pânico, pq meus amigos são.

ai que deliícia de post! Sintam-se abraçados! 🙂

O abraço perfeito entre o texto e a ilustração.
Fofo demais.
Parabéns!

Dois abraços

Aaaah, queria tanto um abraço desses agorinha mesmo!

Muito boa a iniciativa de unir o texto e a imagem dos dois. Admiro muito vocês.

Texto lindo, suave e infinitamente profundo!
Adorei!

olá! mudamos para: http://www.fragmentos.bz

se quiser comentar nesse post, clique aqui.

abs!

Comentários encerrados.

fragmentos

toda quinta-feira uma ilustração e um texto com interpretações pessoais sobre os fragmentos de um discurso amoroso. de roland barthes.

por marina faria e tiago yonamine
%d blogueiros gostam disto: